segunda-feira, 21 de julho de 2008

... o líquido som de teus pés pelo dia...



"Tenho fome de tua boca, de tua voz, teus cabelos


- e pelas ruas vou sem me nutrir, calado, -


não me sustenta o pão, a aurora me desconcerta, procuro o líquido som de teus pés pelo dia."
Pablo Neruda
.
Share |

2 comentários:

By Nina disse...

Adoro Neruda, esse poema eu não conhecia, muito lindooo!

Taty Cascada disse...

Neruda, mi amado Pablo, uno de mis amados maestros, mi compatriota querido.
Un abrazo para ti.

Related Posts with Thumbnails